domingo, 18 de maio de 2008

Pandemonium




Até agora eu não tenho certeza se ja postei esse vídeo... Sei que botei há uns 15 dias no youtube, mas não lembro de ter colocado aqui. Então, aí está...

. Pandemonium .
. Matanza .


Essas coisas que acontecem todo dia
Sem motivo e nem razão
O garçom servindo a mesa
O outro pega, puxa e mete um cadeirão
Miolo e osso tudo misturado
Caem num prato de patê
Você vê que o talher à sua frente
Não é só para comer

Deu azar
Foi passar
Por aqui
Nunca vi
Nada assim
Tão ruim
Quem matei
Vou saber
Só depois

Não me lembro de nada
Não me conte o que eu fiz
Acordei de ressaca
Muito mais feliz

Essa voz na sua cabeça que não pára
E que não te deixa pensar
É o mal que te domina
Possuído, você só pensa em matar
Olha só pro restaurante inteiro
Que você sozinho detonou
E lembra da barbearia
Pela hora aquela porra não fechou

Gostei do meu "eu russo".
Vou começar a usar de vez em quando...


2 comentários:

[ SeVeRoH ] disse...

eu já vi isso antes....

Katherine disse...

Isso que vai tocar na festa de aniversario dos meus filhos! Muuuito mais decente. Hahaha.